menu

Vamos Ler

‘Blitz educativa’ alerta para abandono de animais em PG

Dhiego Tchmolo | Vamos Ler | 10/08/2017 as 13:33h / Imagem: aRede

Atividade no Terminal Central da Escola Mário Ramos Braga teve distribuição de folders pelos alunos.

O abandono de animais é um dos principais problemas encontrados pela sociedade urbana atual. Com risco iminente de mortes e transmissão de doenças, poder público, iniciativa privada e sociedade civil organizada buscam métodos para sanar esta questão que cada vez se torna mais ampla, devido ao crescente número de cães e gatos, principalmente, em situação de abandono nas cidades.

Para encontrar soluções para o problema é necessário que o caso seja tratado, desde cedo, junto às próximas gerações, visando um trabalho a longo prazo. Os alunos do 3º ano Escola Municipal Mário Ramos Braga, sob coordenação da professora Vanessa Bonicoski, têm mostrado que é possível, desde cedo, combater os problemas relacionado aos animais de rua, com uma ‘blitz educativa’. Após uma comissão instituída na escola em julho, foi a vez dos estudantes conscientizarem a população no Terminal Central de Ponta Grossa.

“Pensamos em realizar a blitz educativa com o objetivo de sensibilizar e mobilizar a população de Ponta Grossa a não cometer o ato do abandono. Muitas pessoas pensam que, abandonando um animal, estará se livrando de um problema. Mas, mal sabe ele que está criando e até mesmo aumentando um problema social”, explica a professora Vanessa.

O trabalho foi realizado através de pesquisas e foi constatado que os animais abandonados prejudicam o meio ambiente e, consequentemente, afetam a qualidade de vida dos humanos e demais seres, conforme aponta a docente. “Criamos o ciclo do abandono para exemplificar o quão grave é o problema do abandono. E partindo deste ciclo buscamos soluções sustentáveis para amenizar o problema “, completa.

O trabalho em longo prazo é visto como solução ideal, no momento, para retirar cães e gatos, principais espécies afetadas com o abandono. “Precisamos buscar outras alternativas para proteger os animais e o meio ambiente. Encontramos nas atitudes sustentáveis maneiras de ajudar este problema social”, explana Vanessa.

Assim, a comunidade escolar do Mário Ramos Braga, representado pelo 3º ano, organizou uma oficina sustentável – o objetivo, destaca a professora da turma, foi de aprender a reutilizar restos orgânicos, como cascas de verduras e frutas, transformando-as em patês e geleias, além de ração caseira para os animais. Houve ainda a confecção de sabão a partir de óleo de cozinha - estes, realizados dentro da escola. “Tudo isso pensando em uma forma de ajudar os animais abandonados e o meio ambiente em que vivemos”, diz a professora.

Todo esse processo resultou na visita ao Terminal Central no início da tarde desta quarta-feira (09), onde foi realizada a blitz educativa. Assim, os alunos puderam alertar e, sobretudo, sensibilizar e mobilizar a população ponta-grossense sobre o abandono dos animais. Durante a atividade no local destinado ao transporte público, foram entregues folders confeccionados pelos alunos de acordo com aquilo que o projeto os ensinou.


Veja também

Ponta Grossa

Cotidiano

Campos Gerais

ARede Insana

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS LIDAS