aRede aRede aRede
aRede
Barbiero quer incluir PG em rota nacional do turismo

Ponta Grossa

11 de julho de 2018 19:54

Afonso Verner

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

ABOPG realiza 22º Congresso Internacional de Odontologia

Tríduo prepara festa de Senhora Sant’Ana

Projeto 'Férias na Biblioteca' inicia na segunda

Ciclista morre em acidente no Jardim ‘Los Angeles’
Obras da Sanepar afetam abastecimento em 12 vilas
Ação no Muffato oferece produtos abaixo de R$ 0,99
Festa de Santo Antônio segue até o final da tarde
/Imagem: Divulgação
PUBLICIDADE

O secretário de Esporte e Turismo do Paraná, João Barbiero (PP), visitou a redação do Jornal da Manhã e do portal aRede para fazer um balanço da gestão no comando da pasta (clique aqui para assistir na íntegra). Único representante de Ponta Grossa e dos Campos Gerais no primeiro escalão do Governo de Cida Borghetti (também do PP), Barbiero destacou as ações adotadas nos primeiros 60 dias no cargo.

“Estar no cargo representa uma experiência fantástica em conhecer o Estado. O Paraná tem o mais necessário para o desenvolvimento turístico que são as belezas naturais, o que precisamos é de mais organização”, destacou Barbiero. O secretário lembrou que nesses primeiros 60 dias buscou viabilizar mecanismos do tipo para fortalecer a atividade turística em PG e nos Campos Gerais.

Entre os avanços e debates para o setor do Turismo, o secretário destacou a busca por incluir Ponta Grossa no roteiro do projeto ‘O Sul é o meu destino’, do Governo Federal – uma das rotas passa pelo Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. “Outro fator que estamos buscado e perto de viabilizar é a inclusão de Ponta Grossa no catálogo de destinos da CVC”, contou João.

Responsável pelo setor de Esporte, Barbiero destacou ainda as ações adotadas no setor esportivo, entre elas entregas de kits de equipamentos esportivos para escolas e municípios, além de a viabilização de recursos para equipes princesinas. “Conseguimos viabilizar R$ 600 mil para o time de vôlei do Caramuru, R$ 75 mil para o Operário, R$ 50 mil para o futsal, R$ 50 mil para o basquete e outros R$ 100 mil para o basquete de cadeirantes”, destacou o secretário.

Além de João Barbiero, na gestão do Esporte e do Turismo, Ponta Grossa é representada por Pietro Arnaud (REDE) que ocupa a coordenadoria regional do Governo nos Campos Gerais.

Secretário refuta gestão de Vila Velha por UEPG

O próximo reitor da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), Professor Miguel Sanches Neto, já demonstrou e reafirmou a intenção de que a instituição assuma a gestão do Parque Estadual de Vila Velha. Encarando o turismo mais como uma “atividade comercial”, Barbiero ressaltou que o mais provável é que uma empresa assuma a gestão do local, mas não refutou parcerias com a UEPG e outras universidades na gestão de Vila Velha e de outros parques estaduais no Paraná. 

PUBLICIDADE
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização