aRede aRede aRede
aRede
Colégio de PG recebe capacitação do Escola Restaurativa

Ponta Grossa

02 de agosto de 2018 19:00

João Vitor Rezende

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Rotary promove liderança juvenil na Guarda Mirim

Cescage Genética multiplicará a Raça Purunã na África

UBS suspende atendimento após furto e vandalismo

Carro pega fogo no meio da rua e assusta motoristas
Homem é agredido com barra de ferro em PG
Guarda apreende quase meio quilo de maconha
Polícia recupera caminhão carregado com adubo
/Divulgação
PUBLICIDADE

Projeto visa diminuir situações de desentendimento e violência nas escolas de PG

Durante este mês de junho, o Colégio Estadual Professor João Ricardo von Borell du Vernay, de Ponta Grossa, recebeu cursos de capacitação do Projeto Escola Restaurativa. A iniciativa é uma parceria do Instituto Mundo Melhor (IMM), Núcleo Regional de Educação e o Centro Judiciário de Soluções de Conflitos e Cidadania (CEJUSC) de Ponta Grossa. Professores e estudantes foram contemplados com as ações.

A Escola Restaurativa consiste em resolver os conflitos no ambiente escolar por meio do diálogo. O programa já é praticado em cinco escolas do município e agora deve ser expandido para outros colégios que queiram adotar essa prática.

“Foi realizada a capacitação dos alunos para que eles criem os projetos voltados à Justiça Restaurativa, com uma fala mais próxima dos alunos. É um projeto piloto desenvolvido com os estudantes no colégio. Estamos preparando o primeiro seminário sobre o projeto para os estudantes da rede estadual”, afirma a diretora do Borell, Claudete Albuquerque.  

De acordo com a juíza coordenadora do Cejusc, Laryssa Muniz, a experiência já ocorre há quatro anos em Ponta Grossa e os avanços são significativos. " Visamos com o projeto da Escola Restaurativa a redução da violência dentro dos muros da escola e que essa redução atinja fora do ambiente escolar, para dentro da casa dos alunos, transmitindo essa mensagem para a sociedade e quando adentrar no mercado de trabalho também vão ter esse potencial", explicou durante o “I Seminário A Caminho da Escola Restaurativa", realizado na semana passada em Ponta Grossa.

Com informações da Assessoria

PUBLICIDADE
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização